Pesquisar este blog

27.8.15

Cheng-Pong 847

EXEMPLAR ORIGINAL EM PDF

Frase: Meus pais tiveram uma Telefunken nos anos oitenta. Lembro-me muito bem porque eu era o controle remoto.

ESTADO
Fui num médico para uma consulta  e ele disse:
-Seu estado não está nada bem!
Repondi:
-Isso eu sei, mas vamos deixar o Paraná pra lá e falar da minha saúde?

MADEIRA
O Joãozinho foi passar o fim de semana no sítio da tia. No domingo a titia perguntou:
-Joãozinho, o que você gostaria de comer no almoço?
-Quero comer madeira, tia!
-Que é isso Joãozinho, madeira nao se come!
-Uai, como não? Ontem a noite eu escutei a senhora gritar no seu quarto: Ai que pau gostoso, ai que pau gostoso!

OBRAS
A esposa pede ao marido:
-Amor, arruma as telhas da casa?
Ele: - Não sou pedreiro!
Outro dia ela aparece:
-Arruma aas portas do armário?
Ele: - Não sou marceneiro!
Um dia ele chega do serviço, encontra tudo arrumado e pergunta a ela:
-Querida vovê fez tudo isso?
Ela: -Foi o vizinho!
-Ficou caro?
-Ele me fez duas propostas, transar com ele ou fazer um bolo.
O marido sorri e pergunta:
-Que sabor de bolo você fez?
Ela ri e responde:
-Não sou confeiteira!

CARACOIS
Joãozinho diz à professora:
-Fessora tem em minha mesa um caracol em cima de uma caracola!
-Joãozinho, o certo é dizer caracol em cima de caracol.
Joãozinho esmaga os caracois e a professora diz:
- Joãozinho, isso não se faz!
E o Joãozinho:: nâ... nã... nã! Na minha mesa não quero boiolice!

MARINHEIIRO
No Rio de Janeiro, um  bêbado entrou no ônibus, cambaleando, batendo aqui, ali. Deu uma parada de repente bem na frente de um marinheiro que ia ali sentado. Tirou uma moedinha do bolso e falou:
-Paga até o Engenho Novo!
-Eu não sou cobrador, sou marinheiro.
E o bêbado:
-Então, para essa joça aí, senão eu pulo n’água!

ORAÇÃO DO PESCADOR
“SENHOR, quando eu morrer, não deixeis que minha mulher venda minha tralha de pesca pelo preço que eu disse a ela que paguei... AMÉM!”

CUIDAR
O velho Beppe morava sozinho no sítio e nunca saia pra lugar nenhum, só ficava cuidando dos porcos e das galinhas.
O pessoal do vilarejo foi até o sítio tentar convencê-lo a sair.
-Beppe, você tem que se divertir um pouco, vem na missa aos domingos, você vai encontrar muitos conhecidos, todos seus sumpadres estarão lá.
E o Beppe:
-Ma quem vai cuidá dos porco e das galinha?
-Ora, quando  você estiver na missa, Deus cuida deles pra você...
Convencido, lá foi o Beppe pra missa, prestando atenção  no que o padre dizia, até quando chegou naquele trecho:
-O senhor esteja convosco:
E os fiéis:
-Ele está no meio de nós...
O Beppe deu um pulo e exclamou.
-Porca pippa! Si ele tá aqui quem é que tá cuidando intão das galinha e dos porco?

DIÁLOGO
Ela, cheia de medo: -Não vai caber, amor.
Diz ele: -Tem calma, amor, vai caber sim.
Ela: -Cabe não, amor, é muito grande .
Ele: -Cabe sim, tenta só mais uma vez.
Ela: -Mas custa muito, amor.
Ele: -Está bem, amor, sai daí e deixa eu arrumar o porta-malas carro.

CONVERSA CURTA
O Marido chega em casa meio bêbado,  nota algo estranho e chama a mulher:
-Querida!!! Que quadro feio é esse aqui na sala?
-É um espelho novo que comprei, meu amor!

VENDEDORES
No restaurante do hotel estão varios vendedores reunidos. Um deles diz:
-Você acredita que me devolveram um caminhão cheio de bolachas só porque molhou um pacote?
Outro vendedor:
-Isso não é nada, pois eu tive duas carretas cheias de litros de óleo só porque uma caixa vazou...
Um senhor lá no canto, cara triste, cabisbaixo, escutava a conversa quieto. Perguntaram a ele:
Ei, senhor! O que você faz?
-Sou vendedor também.
-Nunca devolveram nada para o senhor?
-Já! Semana passada me devolveram dois contâiners cheios de mercadoria.
-E o que o senhor vende?
-Ponteiros de relógio...

PEGADINHA DO TIO JANJÃO
As calças, antigamente, tinham pregas. Essa moda já passou. Você lembra quando foi que deixou de ter pregas?

MULHER NO TELEFONE
A mãe pede ao filho para ligar pro pai, para avisar a hora do jantar.
-E aí meu filho o que ele disse?
-Mãe, já liguei 3 vezes e sempre quem atende é uma mulher.
-Pois deixa aquele safado. Ele vai ver quando chegar em casa.
Mal o pai aparece na frente da casa, ela parte pra cima dele e dá a maior surra no marido. Os vizinhos se aproximar para ver o que está acontecendo e ela gritando como louca:
-Safado, cafageste, vagabundo!! Venha cá meu filho. Fale pra todo mundo o que aquela mulher falou pra você ao telefone.
-Ah mamãe, ela dizia: “seu saldo é insuficiente para realizar esa ligação”

NO CABARÉ
Dois velhinhos foram num cabaré, e a cafetina ao ver os velhinhos bêbados, colocou bonecas infláveis na cama deles. Na hora que vão embora um comenta com o outro:
-Acho que a mulher que eu transei tava morta, não deu um gemido, nem se mexeu. E a sua?
-A minha era bruxa.
-Bruxa, tá doido?
-Fui morder a bunda dela, ela peidou na minha cara, saiu voando pela janela e ainda levou minha dentadura.

VIAGRA
O advogado jubilado, já setentão, e sua esposa, vão ao Rio visitar o filho, nora e neto. E lá passam três noites no apertado apartamento.
Quando o advogado encontra uma cartela de Viagra no armário do banheiro, pergunta a seu filho se pode experimentar um dos comprimidos.
- Pai, acho que não deve usar, pois é um estimulante muito forte. E são comprimidos que custam muito caro...
- Quanto?
- Mais ou menos 20 reais por comprimido - responde o filho.
- Não importa, quero muito experimentar e amanhã, antes de irmos embora, deixo o dinheiro debaixo do travesseiro.
No dia seguinte, depois da partida do casal idoso, o filho descobre R$ 520 justamente debaixo do travesseiro.
À noite, liga ao pai que já está em Porto Alegre.
- Ô, pai, eu te falei por brincadeira que cada comprimido custava 20 reais e não R$ 520. De qualquer forma, agradeço pela generosidade.
- Eu sei, filho, eu entendi perfeitamente. Mas saiba que os outros 500 foram presentinho da tua mãe!

Nenhum comentário: